Resumo Histórico

Somos a Preferência Apostólica Amazônia (PAAM), denominação que se refere à área geográfica de missão da Companhia de Jesus na Amazônia brasileira, particularmente no Norte do país, que converge em um serviço pan-amazônico de evangelização integral. Além disso, também é o compromisso de cuidado assumido por toda a Província dos Jesuítas do Brasil com tudo o que representa este território sagrado como dom de Deus para o mundo.

A região Norte, onde estamos localizados, tem extensão territorial de 3.853.322,2 quilômetros quadrados, é a maior do território brasileiro, correspondendo a 45% da área total do país. E, a floresta amazônica é predominante, ocupando aproximadamente 80% da região. A abrangência da floresta também é estendida para outros estados brasileiros como Mato Grosso e Maranhão e até para outros países, o que forma aquilo que se conhece como Pan-Amazônia.

Ademais, a região amazônica no Norte do Brasil possui rica diversidade da fauna e flora e concentra a maior biodiversidade do mundo, totalizando 30% de espécies vegetais e animais já catalogados. Outras tantas espécies na região ainda não são conhecidas e descritas pela ciência, o que significa que a porcentagem pode ser maior do que se tem ideia.

Esse território de missão também está localizado na maior bacia hidrográfica do planeta. E, a região concentra 70% de todos os recursos hídricos disponíveis no Brasil e hoje é o maior reservatório, daquilo que é um pouco menos de 1% de água doce para consumo que existe no mundo. 

Além disso, abriga a maior parcela dos povos indígenas do país. No estado do Amazonas, em números oficiais pelo Censo de 2010 do IBGE, por exemplo, são contabilizados 168,7 mil indígenas. E, só na Amazônia Legal são mais de 250 povos indígenas de etnias diversas e entre eles há uma variedade de línguas faladas. Além de registros de mais de uma centena de povos isolados.

O patrimônio sociocultural da Amazônia ainda é maior do que se pensa porque ela é a casa de muitas comunidades quilombolas, grupos de seringueiros, pescadores, ribeirinhos, agroextrativistas e migrantes também. Por isso, pela sua singular importância no cenário socioambiental e sociocultural nacional e internacionalmente e por suas características muito peculiares que precisam ser respeitadas, protegidas e cuidadas, nós como Preferência Apostólica Amazônia da Província dos Jesuítas do Brasil procuramos assumir estas realidades como dimensão profética de nossa vocação cristã e de nossa missão como Igreja Amazônica.

A partir dessa perspectiva, o anúncio do reino de Deus na região amazônica que nos propomos a realizar acontece junto com a caminhada dos povos no combate, na Região Norte – sempre do ponto de vista da pan-amazônia –, aos avanços do modelo neoextrativista de desenvolvimento do agronegócio, da mineração, das hidrelétricas, da posse da terra e do domínio das águas. Tudo isso em prol do modelo de desenvolvimento que pressupõe sustentabilidade, respeitando e conservando a vida e a dignidade humana de quem vive na Amazônia, no esperançar do Bem Viver.



NEWSLETTER

NEWSLETTER

© Copyright Jesuítas Brasil – Preferência Apostólica Amazônia. Feito com por

NEWSLETTER

© Copyright Jesuítas Brasil – Preferência Apostólica Amazônia. Feito com por